ORGANIZAÇÃO DO BLOG

Foi iniciada hoje uma operação de organização do blog. Materiais serão separados, postagens sem link válido serão corrigidas e por isso algumas coisas serão postadas novamente e estarão no inicio do blog com marcação temática para facilitar a busca.
A localização das atividades serão mostradas em video no interior da postagem para facilitar seu acesso e consulta.
E você que ainda não viu vantagem em adquirir o acesso, vai ter a oportunidade de ver mais de perto quanto tempo perdeu buscando materiais por aí que estavam formatados e prontinhos para impressão em nossos discos virtuais.

MATERNAL - 5 projetos


Baixe em documento de Word
cinco projetos diversificados para trabalhar com turmas de Maternal.



Conheça também o índice de nosso Disco Virtual com 500 atividades:
Índice Disco Virtual Maternal

Compre por apenas 5 reais através da lojinha do blog,
através de depósito/transferência Itau (dados pelo email obancodeatividades@gmail.com) 
ou clicando no botão pagseguro com diversas opções
de pagamento incluindo cartão de credito e boleto bancário.




EDUCAÇÃO AMBIENTAL - esponjas de cozinha


Pensando na quantidade de esponjas que são descartadas anualmente no lixo, a Scotch-Brite se juntou à TerraCycle para criar, pela primeira vez no mundo, um sistema de coleta e reciclagem das esponjas – de todas as marcas do mercado e suas respectivas embalagens plásticas para transformá-las em produtos sustentáveis: a Brigada de Esponjas Scotch-Brite.
Pensando na quantidade de esponjas que são descartadas anualmente no lixo, a Scotch-Brite se juntou à TerraCycle para criar, pela primeira vez no mundo, um sistema de coleta e reciclagem das esponjas – de todas as marcas do mercado e suas respectivas embalagens plásticas para transformá-las em produtos sustentáveis: a Brigada de Esponjas Scotch-Brite.
Que tal lançar a campanha em sua escola?
É muito mais do que o valor financeiro, é ensinar Educação Ambiental na prática modificando hábitos dos alunos e de suas familias, impactando positivamente em toda a sua comunidade.


NOVIDADE - Disco Virtual 5º ano volume 2

Para você que trabalha com turma de quinto ano (antiga quarta série)
já havia o Disco Virtual com 1.000 atividades.
No padrão do banco: documentos de word, formatados,
com alta qualidade de impressão.
Só escolher e imprimir para usar.

Agora lançamos o volume 2 com outras 850 atividades e mais
Projeto A sala de aula que era comercializado separadamente.



Compre via pagseguro com opção de boleto bancário, cartão de crédito e transferência on line
o pedido é liberado em até 12 horas após a confirmação que o pagseguro nos envia clicando no botão abaixo:






ou com pagamento direto via Banco Itau (peça dados de deposito/transferência) pelo email obancodeatividades@gmail.com



NOTICIA - Enem 2014: resultados na redação são ‘assustadores’, segundo especialistas

RIO E BRASÍLIA - A expressiva queda de 9,7% na nota média da redação do Enem 2014 em relação à edição anterior acendeu a luz amarela no governo e chamou a atenção de especialistas. Índices cada vez mais baixos de leitura e a pouca familiaridade com o tema proposto pelo exame — publicidade infantil — podem ter contribuído para o recorde de 529 mil candidatos, ou 8,5% do total, com nota zero. Apenas 250 entre 5,9 milhões de estudantes que tiveram seus textos corrigidos alcançaram o conceito máximo (mil). Ao resultado ruim na disciplina (nota 470,8, ante 521,2 em 2013) se somou ainda uma considerável queda (7,3%) no desempenho médio em matemática, contribuindo para uma diminuição da nota geral de 1%.









NOTÍCIA - Cid Gomes diz que corte de R$ 7 bilhões não vai prejudicar a Educação





fonte: http://educacao.estadao.com.br/noticias/geral,cid-gomes-diz-que-corte-de-r-7-bilhoes-nao-vai-prejudicar-a-educacao,1617647

NOTICIA- Ministério da Educação é o mais afetado por corte de gastos

O Ministério da Educação foi o mais afetado pelos cortes de gastos não obrigatórios anunciados pelo governo nesta quinta-feira. Conforme o decreto 8.389, publicado no Diário Oficial da União (DOU), a pasta sofrerá uma limitação extra de 586,83 milhões de reais por mês em seu orçamento. Isso ocorre porque este ministério é o que possui o maior volume de gastos não prioritários, que englobam viagens, compras de material e diárias de hotéis, por exemplo. Em seguida aparecem os ministérios da Defesa, com um corte de 156,46 milhões, das Cidades (144,42 milhões de reais), do Desenvolvimento Social (139,88 milhões de reais), e da Ciência e Tecnologia (130,88 milhões de reais). Os cálculos foram feitos pelo pesquisador do Ibre-FGV Gabriel Barros. 
No total, o governo anunciou o bloqueio provisório de um terço dos gastos administrativos dos 39 ministérios e secretarias especiais, o que deve totalizar uma economia de 1,9 bilhão de reais mensais, segundo o Ministério do Planejamento. 
Confome o texto do decreto, a execução dessas despesas ficará limitada a 1/18 (um dezoito avos ou 5,55%) da dotação prevista no no projeto de Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) deste ano, o que representa um aperto adicional nas contas públicas. Com a aprovação da LDO no final do ano passado pelo Congresso Nacional, mas sem a aprovação do Orçamento propriamente dito, o governo poderia gastar mensalmente 1/12 (8,33%) dos valores previstos no projeto orçamentário para a manutenção da máquina pública.
A expectativa do relator-geral do Orçamento de 2015, senador Romero Jucá (PMDB-RR), é que o projeto seja aprovado em plenário no próximo mês, após a volta dos parlamentares do recesso. A avaliação reservada de deputados e senadores é que a matéria vá à votação na semana seguinte ao carnaval, a partir do dia 23 de fevereiro. Depois disso, o governo deve promover um novo contingenciamento de gastos, desta vez sobre o Orçamento aprovado, para tentar cumprir ao fim de 2015 a meta de superávit primário de 1,2% do Produto Interno Bruto (PIB).
Imunes - A maioria das despesas não incluídas no corte provisório (65 de um total de 76) consta de uma lista proibida - por força da Constituição e de leis - de ser alvo de contingenciamento. Entre elas: repasse de recursos para alimentação escolar e manutenção de unidades de ensino; pagamento de benefícios da previdência social; financiamento de programas de desenvolvimento econômico do BNDES; repasses ao Fundo Partidário; pagamento dos serviços da dívida; e transferência de recursos da Conta de Desenvolvimento Energético (CDE) e fundos constitucionais do Norte (FNO), Nordeste (FNE) e Centro-Oeste (FCO).
Outras onze despesas livres de restrição orçamentária foram listadas no decreto, como repasse de recursos para financiamento estudantil, bolsas de estudo do CNPq, Capes, residência médica e para atletas do Programa Segundo Tempo, do Ministério do Esporte.

FONTE: http://veja.abril.com.br/noticia/economia/ministerio-da-educacao-e-o-mais-afetado-por-corte-de-gastos