MAQUININHA PAGSEGURO

Aumente suas vendas aceitando débito e credito.
Compre em condições especiais pelo link:

Alfabetização e letramento - parte 3

Já no nível silábico-alfabético a criança compreende que a escrita representa a fala e começa a perceber que cada emissão sonora (sílaba) pode ser representada, na escrita, por uma ou mais letras. Nesse período, é comum a criança combinar só vogais ou só consoantes, fazendo grafias equivalentes para palavras diferentes. Por exemplo, OA para sopa e para bota PT para pote e para pato. Em alguns casos, ela combina vogais e consoantes em uma mesma palavra, em uma tentativa de combinar sons, sem tornar, ainda, sua escrita socializável. Por exemplo, MAO para macaco.
Para a superação dessa fase, sugere-se:
.fazer a leitura apontada do texto do aluno, para que ele perceba se o número de sons pronunciados corresponde (ou não) ao que escreveu;
.propor a escrita de listas com finalidades diversas (registrar o nome dos alunos ausentes/presentes, itens de uma feira, ingredientes de uma receita, cardápio do lanche, titulo de textos lidos, etc);
.promover a escrita coletiva ou individual de parlendas, trava-línguas, charadas, provérbios, entre outros.
Segundo Ferreiro e Teberosky (1991), no nível alfabético, "a criança já compreendeu que cada um dos caracteres da escrita corresponde a valores menores que a sílaba. Isto não quer dizer que todas as barreiras tenham sido superadas: a partir deste momento, a criança se defrontará com as dificuldades da ortografia, mas não terá mais problemas de escrita, no sentido estrito".
Sabe-se atualmente, que um sujeito plenamente alfabetizado é aquele capaz de atuar com êxito nas mais diversas situações de uso da lingua escrita. Dessa maneira, não basta ter o dominio do codigo alfabético - saber codificar e decodificar um texto . É preciso conhecer a diversidade de textos que circulam socialmente, as funções deles e também os procedimentos adequados para interpreta-los e produzi-los. O processo de alfabetização, assim entendido, estende-se ao longo de toda a escolaridade.

Nenhum comentário:

Postar um comentário