MAQUININHA PAGSEGURO

Aumente suas vendas aceitando débito e credito.
Compre em condições especiais pelo link:

FOLCLORE - Lenda da mandioca


A LENDA DA MANDIOCA

 

         Mani era diferente das outras índias.

         Era branca como lírio. Era, também, a índia mais bonita que já existiu na terra.

         Os índios todos gostavam dela, como de um ser sobrenatural, porque um espírito branco apareceu, em sonhos, ao cacique da tribo e lhe contou que Mani era um presente de Tupã.

         Um dia, porém, sem se saber como, Mani adoeceu e morreu,

         A tristeza na tribo foi geral e profunda.

         Os índios choraram muito e enterraram Mani no jardim.

         Todos os dias iam ver a sepultura. E choravam, choravam, tanto que as lágrimas molharam a terra.

         O tempo passou...

         Veio a primavera.

         Na cova de Mani nasceu uma planta desconhecida.

         Um dia, os índios cavaram a terra e encontraram uma raiz, notaram que parecia com o corpo de Mani e acreditando no milagre, comeram-na certos de adquirirem, assim, mais vigor para as lutas. Fizeram dela, uma comida muito especial.

         Mani existia, ainda, transformada em planta. Mani era um presente sagrado de Tupã.

         E os índios cultivavam com carinho o corpo imortal de Mani, transformando-o em alimento, e chamaram-lhe: Manioca.

         Mandioca, é, pois, nome adaptado de Manioca e significa: pão da terra.

 

1.     Numere os parágrafos.

2.    Circule com lápis vermelho o título.

 

 

3.    Procure no dicionário e escreva em seu caderno o significado das palavras:

Sobrenatural-desconhecida-imortal.

 

4.    Pinte com lápis verde todas as palavras com R brando.

 

5.    Pinte com lápis amarelo todas as palavras com vogal seguida de M ou N.

6.    Retire do 3º parágrafo 2 palavras no plural:

...................................................................................................................

 

7.Retire do 12º parágrafo, 3 palavras trissílabas.

....................................................................................................................

 

8.Reescreva as sentenças, seguindo a ordem de acontecimentos no texto.

- Mani adoece a morre.

-          Os índios enterram Mani,

-          A tribo toda chora a morte de Mani,

-          Na cova de Mani, nasce uma planta desconhecida.

-          Os índios descobrem o valor da planta.

-          Mani nasce branca como um lírio.

................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................

 

 



Um comentário: